Investigadores do Instituto de Bioética eleitos membros correspondentes da Academia Fides et Ratio

António Jácomo e Carlos Costa Gomes, investigadores do Instituto de Bioética, foram eleitos membros correspondentes da Academia Fides et Ratio (AFR), uma academia que tem um papel relevante no contexto brasileiro na medida em que é constituída por intelectuais que pretendem  mostrar como o intelectual católico pode estabelecer uma ponte entre a comunidade de fé e o mundo.

Segundo o Pe. Aníbal Gil Lopes, presidente da Academia e membro da Academia Pontifícia para a vida, “Como intelectuais católicos, das diferentes áreas do saber, se colocam e como podem se colocar a serviço desse diálogo. Ela reúne, portanto, pessoas importantes na nossa sociedade acadêmica, intelectual, de várias universidades, que se colocam a serviço do anúncio do Senhor Jesus através do conhecimento da ciência e da cultura”.

Esta eleição é o reconhecimento internacional do trabalho desenvolvido pelo Instituto de Bioética na área da promoção do diálogo entre fé e cultura. A tomada de posse agendada para 8 de dezembro de 2019.

Outubro 2019